O dia se desdobra (Juliana Storto)

R$ 56,00
. Comprar  
Concepção gráfica e ilustrações de Juliana Storto
Livro sanfonado, com capas duras, formato 10,2 x 7,5 cm, 56 páginas dobradas.
Miolo impresso no sistema offset em papel offset 150 g/m2. Capas impressas em serigrafia sobre papelão Hörlle azul ciano.
Edições Barbatana, 2022
ISBN 978-65-88766-10-1
Barbatana#30
1a edição: abr. 2022
 
O dia se desdobra é o primeiro livro-objeto criado e ilustrado por Juliana Storto. Delicada combinação de livro-objeto de concepção extremamente complexa e livro de imagens repleto de sutilezas, com ilustrações de grande delicadeza realizadas em grafite e aquarela, fala da amizade de uma menina e seu cão. Ou duas meninas e dois cães? Delicadeza que se desdobra em memórias: somos nós aquela menina? É nosso aquele cão? O dia se desdobra? Ou se desdobra o dia?
Em formato de livro sanfonado, com 56 páginas dobradas, apresenta duas narrativas que se complementam e dialogam em frente e verso. Parece até que tem formato diminuto (e realmente cabe na palma da mão!), mas na verdade é imenso: como todo o amor que cabe nos felizes encontros entre crianças (e adultos!) e cachorros!
 
Faixa etária
Livro de imagens voltado a crianças de 0 a 100 anos. Por ser um livro que contém diversas dobraduras, em caso de crianças muito pequenas poderá ser aconselhável a mediação de um adulto que auxilie na navegação.
 
Sobre a autora
JULIANA STORTO mora em São Paulo, tem duas filhas e adora cães. É fisioterapeuta, professora do Curso de Formação no Método Ivaldo Bertazzo e artista plástica nas horas vagas.
É seu livro de estreia como artista.
 
Saiba mais sobre o livro
“O livro O dia se desdobra foi criado pela Juliana no primeiro semestre de 2018. Ela nos apresentou a ideia em setembro do mesmo ano, durante um evento sobre livros ilustrados de que participávamos.
Após um rico processo de edição realizado a seis mãos, e de um processo ainda mais rico para a viabilização industrial de sua produção, em que envolvemos os amigos da Navegar Gráfica, nossa grande parceira em ‘projetos complicados como a gente gosta’, foi finalmente e finamente produzido em abril de 2022.”
(Angela Mendes e Paulo Verano, editores, maio 2022)
 
“(...) O dia se desdobra é um livrinho que, assim como seu nome diz, fala sobre como as coisas podem se desdobrar em outras, seja a nossa rotina, seja o nosso sentimento, sejam as nossas memórias.
A gente se chama de ‘livrinho’ porque ele é realmente um livro pequenininho, que cabe na palma da mão. E o que ele tem de mais inovador é o seu formato, que é como o das dobraduras que vão se abrindo e virando coisas novas, se fechando e voltando a ser o que já foram. (...)
É um livro que convida o leitor a montar sua própria história, e tirar dela suas conclusões.”
(Marcella Franco, Folha de S.Paulo, 28 maio 2022)
 
“Há tempos um livro não me desafiava assim!
Fiquei num tal de abre, fecha, volta, estica, vira do outro lado, lê de novo, sobe, desce, e com a impressão de que sempre havia algo de escondido, e que eu ainda ia descobrir.
Por um momento me senti como a personagem da história correndo atrás, mergulhando, voltando.
E que delícia ter um livro que me fez sentar no tapete de casa e me reapaixonar por este objeto.
Sem falar na sutileza que isso acontece, um livro muito pequeno, com cores delicadas, traços sutis e muitos detalhes.
Este é O dia se desdobra, da Juliana Storto, das Edições Barbatana.”
(Camila Feltre, A Casa Tombada, jun. 2022)
 
“A gente esperava este livro desde o dia em que a Ju veio ao Lugar de Ler, quando vimos o boneco e ficamos encantadas. Vê-lo pronto e, mais, ver que deu certo esse projeto supercomplexo, foi uma emoção imensa. Um livro imagem que se desdobra, tal qual o dia, invocando delicadeza e fazendo a gente pensar nas pequenas histórias que compõem nossos dias. Não apenas pela suavidade do desenho da Juliana, de movimentos precisos que só poderiam ser realizados por quem conhece – muito bem – as dobras do corpo e até onde ele pode ir, mas também pelo afeto que a menina e o cão exalam enquanto se desdobram, eles mesmos, ao longo de um dia inteiro. A nós, leitores, também se pede delicadeza: para olhar demoradamente cada traço, o modo como cada ação se desdobra e desdobrar o próprio livro, sem perder o fio da meada. Este é o primeiro livro da Juliana e ele anuncia um caminho longo e cheio de frutos.”
(Dani Gutfreund e Janette Tavano, Lugar de Ler, jun. 2022).

 
• Prazo para postagem:
• Código do produto: 91162A
• Quantidade mínima: 1
Veja também